Cópia de Sem nome (5).png

Blog MecTRIA

  • Ysabella Regina

Os docentes e a empresa júnior



Desde 1967 o Movimento Empresa Júnior tem se difundido ao redor do mundo. Presente em diversas Instituições de Ensino Superior espalhadas pelo país, tem colaborado para enriquecer a formação profissional no ambiente acadêmico.


Uma Empresa Júnior pode trazer inúmeros benefícios ao corpo docente e discente das Instituições de Ensino, já que estimulam a preparação e valorização profissional dos estudantes e professores no âmbito da própria instituição, bem como no mercado de trabalho, pois proporciona a seus membros situações para a aplicação prática dos conhecimentos adquiridos em sala de aula.


Além de praticar o que se aprende em sala de aula, os membros com o apoio de seus docentes têm a possibilidade de administrarem uma empresa, desenvolvendo projetos em equipe, essa experiência tende a ser mais rica e completa do que a obtida nas atividades curriculares tradicionais, tornando-se um diferencial para o início da carreira profissional e o ingresso no mercado de trabalho.


Neste contexto, os docentes coordenadores das empresas juniores têm papel de desenvolver nos alunos aptidões e competências que se tornam diferenciais na sua formação profissional. Este papel vai além do que é aprendido em sala de aula e pode ser considerado um fator agregador no currículo do aluno.


Por outro lado, muitas vezes alguns docentes estiveram desde o momento de sua formação na vida acadêmica e quando a empresa apresenta algum projeto de sua área, eles também têm a oportunidade de aprimorar o conhecimento técnico.


Fica evidente, então, que o apoio dos professores e técnicos é de alta importância para a realização de projetos, para que haja alta qualidade e segurança. Nós, da MecTRIA sempre consultamos os docentes e, assim, garantimos tais características em nossos serviços.


Consulte a nossa carta de serviços e agende já um diagnóstico gratuito clicando aqui!

0 comentário
Posts Recentes